Transporte Público Coletivo

 

 
 
 
 

transporte-coletivo-publicoTransporte público e coletivo é todo aquele meio de transporte que é proporcionado pelo poder público e que atende a todos os cidadãos, sem qualquer distinção de classe, gênero, cor, orientação sexual, procedência nacional ou outras formas de discriminação. O Estado tem obrigação de prestar esse serviço e é responsável por ele mesmo quando não o opera diretamente e utiliza a prestação de serviços de empresas privadas.

É importante inserir o acesso ao transporte em uma lógica de direito básico: ele não é uma mercadoria, em seu serviço deve haver normas que respeitem a população, seu preço não pode variar de acordo com os interesses de um seleto grupo de empresas, sejam estas estatais ou privadas, e, principalmente, ele não é um favor prestado à população e sim um direito que deve ser cotidianamente cobrado pela sociedade e aperfeiçoado pelo Estado.

É válido lembrar que toda a sociedade se beneficia direta ou indiretamente dos serviços de transporte público coletivo, visto que estes meios de locomoção são essenciais para a produção econômica e desenvolvimento do país. Sem acesso aos meios de transporte públicos e coletivos, a maioria dos trabalhadores não teria condição de se deslocar, e mesmo se houvesse a possibilidade de optar pelo transporte individual, os engarrafamentos inviabilizariam a locomoção, causando um forte impacto negativo em toda a sociedade.

Os benefícios gerados pelo transporte público coletivo englobam desde melhorias ao meio ambiente até a maior mobilidade nos espaços públicos, se revelando um benefício geral que deveria ser utilizado por todos como forma de contribuição social. Considerando tais vantagens e o princípio de que interesses públicos devem prevalecer sobre interesses particulares, podemos afirmar que o transporte público coletivo deve ser prioridade e assim deve ser tratado pela administração pública.

 

Princípios de Funcionamento

 

 

O funcionamento adequado do transporte público coletivo envolve uma série de princípios básicos que devem ser garantidos para que funcionem adequadamente. Para isso, tanto o governo quanto os cidadãos devem se empenhar, com diferentes funções, para que os transportes fluam normalmente.

 

 

 

O Estado e as empresas que disponibilizam o serviço são responsáveis por garantir:

  • Obrigatoriedade: este serviço é de responsabilidade do Estado que tem obrigação de garanti-lo, seja de forma direta ou indireta;
  • Universalidade: estes serviços devem estar disponíveis a todos, sem qualquer discriminação e preconceito.
  • Eficiência: o planejamento do sistema de transportes deve observar e atender as demandas e necessidades de deslocamento da população;
  • Regularidade: os intervalos não podem ser excessivos e devem ser pré-definidos;
  • Previsibilidade: as rotas devem ser respeitadas (quaisquer alterações devem ser devidamente comunicadas aos usuários) e os pontos de parada também;
  • Continuidade: os serviços não podem sofrer interrupções;
  • Segurança: a segurança dos usuários deve ser garantida, tanto por veículos em bom estado de conservação, quanto pela direção responsável do condutor;
  • Conforto: os veículos devem oferecer condições de transportar os passageiros com comodidade;
  • Acessibilidade: os veículos devem ser aptos a receber passageiros com necessidades especiais.
  • Cortesia: bom tratamento aos usuários,
  • Modicidade: tarifas justas;
  • Atualidade tecnológica: os veículos mais novos oferecem maior conforto, exigem menos manutenção e poluem menos.
  • Controle: formas de garantir que os princípios sejam cumpridos. A prestação adequada deste serviço envolve a premissa básica de um serviço público e social: a melhoria da vida em sociedade e a garantia de um cotidiano digno à população.
 

 

 

 
 

 

Os usuários dos serviços de transporte público urbano devem:

  • Pagar a tarifa (com exceção dos isentos);
  • Se identificar quando solicitado (no caso de passageiros especiais);
  • Respeitar os demais usuários;
  • Respeitar os assentos de uso especial;
  • Não obstruir a passagem com bagagens e não transportar volumes que possam causar transtornos aos demais usuários;
  • Não fumar dentro do transporte coletivo;
  • Não utilizar equipamentos sonoros com alto-falante (apenas com fone de ouvido);
  • Não transportar animais;
  • Não pedir esmolas;
  • Não comercializar e distribuir mercadorias ou impressos;
  • Não oferecer serviços;
  • Não acionar dispositivos de emergência desnecessariamente;
  • Não danificar ou sujar instalações e veículos;
  • Não afixar cartazes;
  • Não viajar embriagado ou drogado.
  • Não portar materiais explosivos, tóxicos
  • Evitar qualquer ato que afete o decoro (como andar sem camisa, fazer gestos obscenos e etc.). 
 



 

Sistema de Transporte Público Coletivo de São Paulo

 

 

Fonte: guiadedireitos.org

 

 

QUESTION 1 Your network contains an Active Directory domain named contoso.com. All servers run Windows Server 2012 R2. The domain contains a server named Server1 that has the Network Policy Server server role and the Remote Access server role installed. The domain contains a server named Server2 that is configured as a RADIUS server. Server1 provides VPN access to external users. You need to ensure that all of the VPN connections to Server1 are logged to the RADIUS server on Server2. What should you run? A. Add-RemoteAccessRadius -ServerNameServer1 -AccountingOnOffMsg Enabled -SharedSecret "Secret" -Purpose Accounting B. Set-RemoteAccessAccounting -AccountingOnOffMsg Enabled -AccountingOnOffMsg Enabled C. Add-RemoteAccessRadius -ServerName Server2 -AccountingOnOffMsg Enabled -SharedSecret "Secret" -Purpose Accounting D. Set-RemoteAccessAccounting -EnableAccountingType Inbox -AccountingOnOffMsg Enabled Correct Answer: C QUESTION 2 Your network contains four Network Policy Server (NPS) servers named Server1, Server2, Servers, and Server4. Server1 is configured as a RADIUS proxy that forwards connection requests to a remote RADIUS server group named Group1. You need to ensure that Server2 and Server3 receive connection requests. Server4 must only receive connection requests if both Server2 and Server3 are unavailable. How should you configure Group1? A. Change the Weight of Server4 to 10. B. Change the Weight of Server2 and Server3 to 10. C. Change the Priority of Server2 and Server3 to 10. D. Change the Priority of Server4 to 10. Correct Answer: D QUESTION 3 Your network contains an Active Directory domain named adatum.com. A network administrator creates a Group Policy central store. After the central store is created, you discover that when you create new Group Policy objects (GPOs), the GPOs do not contain any Administrative Templates. You need to ensure that the Administrative https://www.pass4itsure.com/70-411.html Templates appear in new GPOs. What should you do? A. Add your user account to the Group Policy Creator Owners group. B. Configure all domain controllers as global catalog servers. C. Copy files from %Windir%\Policydefinitions to the central store. D. Modify the Delegation settings of the new GPOs. Correct Answer: C QUESTION 4 Your network contains an Active Directory domain named contoso.com. All domain controllers run Windows Server 2012 R2. The domain contains 500 client computers that run Windows 8 Enterprise. You implement a Group Policy central store. You have an application named App1. App1 requires that a custom registry setting be deployed to all of the computers. You need to deploy the custom registry setting. The solution must minimize administrator effort. What should you configure in a Group Policy object (GPO)? A. The Software Installation settings B. The Administrative Templates C. An application control policy D. The Group Policy preferences Correct Answer: D QUESTION 5 Your network contains two Active Directory forests named contoso.com and dev.contoso.com. The contoso.com forest contains a domain controller named DC1. The dev.contoso.com forest contains a domain controller named DC2. Each domain contains an organizational unit (OU) named OU1. Dev.contoso.com has a Group Policy object (GPO) named GPO1. GPO1 contains 200 settings, including several settings that have network paths. GPO1 is linked to OU1. You need to copy GPO1 from dev.contoso.com to contoso.com. What should you do first on DC2? A. From the Group Policy Management console, right-click GPO1 and select Copy. B. Run the mtedit.exe command and specify the /Domaintcontoso.com /DC: DC 1 parameter. C. Run the Save-NetGpocmdlet. D. Run the Backup-Gpocmdlet. Correct Answer: A QUESTION 6 Your network contains an Active Directory domain named contoso.com. All servers run Windows Server 2012 R2. Client computers run either Windows 7 or Windows 8. All of the client computers have an application named App1 installed. The domain contains a Group Policy object (GPO) named GPO1 that is applied to all of the client computers. You need to add a system variable named App1Data to all of the client computers. Which Group Policy preference should you configure? A. Environment B. Ini Files C. Data Sources D. Services Correct Answer: A QUESTION 7 Your network contains an Active Directory domain named contoso.com. All user accounts reside in an organizational unit (OU) named OU1. You create a Group Policy object (GPO) named GPO1. You link GPO1 to OU1. You configure the Group Policy preference of GPO1 to add a shortcut named Link1 to the desktop of each user. You discover that when a user deletes Link1, the shortcut is removed permanently from the desktop. You need to ensure that if a user deletes Link1, the shortcut is added to the desktop again. What should you do? A. Enforce GPO1. B. Modify the Link1 shortcut preference of GPO1. C. Enable loopback processing in GPO1. D. Modify the Security Filtering settings of GPO1. Correct Answer: B